Atenção

* O SITE JV HOPE NOTICIAS- não formula notícias, artigos ou vídeos, salvo quando os mesmos são citados como criação própria. Todas as nossas publicações são reproduções fiéis de sites de terceiros. Sendo assim, o conteúdo e/ou opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores, cujas informações estão contidas nos links da fonte, e não refletem, necessariamente, a opinião do JV HOPE NOTICIAS

quarta-feira, 3 de outubro de 2018

Elenão é responsável por disparada de Bolsonaro e números impressionam Números do Dafafolha e Ibope mostram que rejeição de Bolsonaro caiu e ele ganhou votos, após movimento.

Bolsonaro sobe entre evangélicos e mulheres, após #Elenão - Foto/Montagem
Como explicar a ascensão do candidato Jair Bolsonaro, do PSL, nos últimos dias? Para especialistas, uma das explicações é o movimento #EleNão. Há dos domingos, milhares de mulheres foram às ruas pedindo votos contra Jair Bolsonaro. No entanto, elas teriam sido responsáveis diretas pelo crescimento do candidato da direita nos últimos dias.
É essa uma das explicações de Mauro Paulino, diretor do Datafolha, instituto que indicou um crescimento de 4 pontos percentuais de Bolsonaro entre uma pesquisa e outra. No Datafolha de 2 de outubro, Bolsonaro aparece com 32%. A pesquisa foi divulgada 1 dias após o Ibope, que trazia o político com 31% das intenções de voto.

Bolsonaro cresceu com mais força entre mulheres e evangélicos

Os números do Datafolha indicam uma disparada de Bolsonaro entre as mulheres. Na pesquisa de 28 de setembro, antes da manifestação, o político tinha 21% entre o público feminino. Já na do dia 2 de outubro, ele foi para incríveis 27%, passando Fernando Haddad, do Partido dos Trabalhadores (PT).Há ainda uma fatia de 17% do eleitorado feminino que diz que ou vota branco, nulo, ou ainda sequer sabe em quem votar. Essa faixa pode ajudar a Bolsonaro a crescer ainda mais nos próximos dias, como se fosse uma ‘onda’ com a divulgação dos dados mais recentes à corrida pela presidência da república. Historicamente, o público feminino é sempre o último a decidir em quem vota, tendo calma e análise na hora do voto.

Fotos polêmicas em manifestação teriam ajudado Bolsonaro

Outra explicação é o eterno conservadorismo enraizado no país. Muitas das fotos da manifestação do #Elenão foram criticadas por conterem mulheres com pouca roupa, fazendo referências à igreja e ao público gay. Já é sabido que o assunto foi discutido em cultos evangélicos e entendido como desrespeito por parte desse público, principalmente no que se refere ao aspecto religioso.
Isso fica comprovado no Datafolha entre eleitores evangélicos. Nesse nicho, Jair Bolsonaro foi de 26% no dia 22 de agosto para 40% no dia 2 de outubro. Ou seja, ele praticamente dobrou. Há ainda a expectativa de um maior crescimento nesse grupo, já que apenas no domingo o Bispo da Igreja Universal do Reino de Deus, Edir Macedo, confirmou apoiar o candidato.
Cantores evangélicos começaram no final de semana agora uma campanha forte pela vitória do líder do PSL ainda no primeiro turno, o que Datafolha e Ibope chamam ainda de improvável acontecer.
Lembrando sempre que você leitor e que gosta de política pode PODE COMPARTILHA CURTI E COMENTA SEJAM BEM VINDOS.
FONTE:https://agoranamidia.com

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Comentarios

Atenção: Violência sexual contra criança e adolescente é crime!

Atenção: Violência sexual contra criança e adolescente é crime!
Ligue para o número 100, do Disque Denúncia Nacional
Copyright © JV NOTICIAS | Suporte: Mais Template