sexta-feira, 13 de novembro de 2020

Professora que acusou Bolsonaro de matar Marielle é demitida Escola desligou profissional após declaração dada durante aula de redação

Marielle Franco Foto: Reprodução/Facebook

Uma professora de Redação do Colégio COC de Rio do Sul, em Santa Catarina, foi demitida pela instituição após ser acusada pelos pais dos alunos de fazer proselitismo político e ideológico durante uma de suas aulas. A polêmica ocorreu após a profissional acusar o presidente Jair Bolsonaro de ser o mandante da morte da vereadora do Rio de Janeiro, Marielle Franco.

Em uma das aulas, onde o assunto era violência política, a professora afirmou que a facada recebida pelo chefe de Estado era um caso relacionado ao tema, mas que não era algo praticado por políticos. Já ao chamar um suposto exemplo de violência praticada por integrantes da política, ela afirmou que Bolsonaro “armou para matar Marielle Franco”.

– A facada que o Bolsonaro tomou foi uma violência política? Sim. Ô, [nome de aluno], na verdade o que aconteceu, a violência política, é praticada por políticos. O Bolsonaro levou uma facada? Levou. Foi uma violência? Foi, mas não foi praticada por políticos, foi um popular que fez, foi um civil que fez isso. Agora, o que o Bolsonaro armou, né, para matar Marielle Franco, ele sendo um político, matando uma outra política, isso sim é uma violência política. Entendeu o esquema? – disse.

Após o fato, a professora se manifestou por meio de uma carta de retratação. Ela afirmou que lamentava o trecho da aula que, segundo ela, fora retirado de contexto. Ela reconheceu que a fala fazia “grave acusação e imputa crime, sem comprovação, do caso Marielle ao [presidente] Bolsonaro”.

Na quarta-feira (11), a direção do Colégio COC emitiu uma nota informando que fez o desligamento da profissional “com base em decisão fundamentada, com apoio da equipe jurídica e técnica, em conformidade com os procedimentos internos de apuração dos últimos acontecimentos”.

– O Colégio COC Rio do Sul lamenta o desencadeamento dos fatos e reforça seu compromisso com a educação de excelência, consolidada a partir de trabalho eficiente, equilibrado e transparente – completou o comunicado.

FONTE:https://pleno.news/

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Atenção

* O SITE JV HOPE NOTICIAS- não formula notícias, artigos ou vídeos, salvo quando os mesmos são citados como criação própria. Todas as nossas publicações são reproduções fiéis de sites de terceiros. Sendo assim, o conteúdo e/ou opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores, cujas informações estão contidas nos links da fonte, e não refletem, necessariamente, a opinião do JV HOPE NOTICIAS

ATENÇÃO

Redação: O site JV NOTICIAS é um veículo comunicação independente com notícias do Brasil e do Mundo. Nossa missão é levar ao público a verdade dos fatos, sempre com informações de fontes seguras e confiáveis para você formar sua própria opinião.

Comentarios

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JV noticias. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JV noticias poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. . Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados

Atenção: Violência sexual contra criança e adolescente é crime!

Atenção: Violência sexual contra criança e adolescente é crime!
Ligue para o número 100, do Disque Denúncia Nacional
Copyright © JV NOTICIAS | Suporte: JV NOTICIAS