Proibição de saída temporária para presos por crimes hediondos é proposta por Capitão Alberto Neto ~ JV NOTICIAS

ATENÇÃO

ESTAMOS ARRUMANDO O SITE EM BREVE ESTARA NORMAL

Proibição de saída temporária para presos por crimes hediondos é proposta por Capitão Alberto Neto

 


O projeto de lei nº4824/2020, de autoria do deputado federal Capitão Alberto Neto (Republicanos), sugere a proibição de saída temporária, como as que costumam ser realizadas no período de Natal, para presos condenados por crimes hediondos. 

“A saída temporária é um benefício da execução penal para aos presos que cumprem pena em regime semiaberto como forma de promover a reeducação, dando a eles o senso de responsabilidade, para, no futuro, ingressar no regime aberto e depois serem ressocializados”, disse.

No documento, o deputado ressalta que os autores de crimes hediondos são pessoas que possuem um alto grau de periculosidade e normalmente não têm possibilidade de recuperação, já que são desprovidos de qualquer sentimento de empatia com o próximo. 

“Esses criminosos representam perigo para nossa sociedade, dar a eles a possibilidade de estar fora das grades é colocar nossas famílias em risco, não apenas de crimes sexuais, mas também de assaltos”, ponderou. 

O PL também propõe aumentar a pena ao crime de estupro de vulnerável, quando cometidos contra crianças, adolescentes, deficientes e idosos, que não têm condições de defesa, crime que causa danos irreversíveis. 

Share:

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Anvisa aprova uso emergencial de vacina de Oxford e da Coronavac

  Esta é a primeira vez que vacinas têm uso emergencial aprovado no país Foto: Marcos Maluf/Pera Photo Press/Estadão Conteúdo Por unanimidad...

Redação: O site JVHOPENOTICIAS é um veículo comunicação independente com notícias do Brasil e do Mundo. Nossa missão é levar ao público a verdade dos fatos, sempre com informações de fontes seguras e confiáveis para você formar sua própria opinião.

Comentarios

SIGA-ME

SIGA-ME
SEJA UM SEGUIDOR

Seguidores

FISIHOLISTICO